Vassouras

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Limpias







Limpeza de alma, corpo e casa sempre são bem-vindas.
Com o fim do ano batendo em nossas portas cai bem uma que outra receitinha nesse sentido.

Aqui ofereço a vocês algumas praticadas em países latino-americanos hispanos.

Ingredientes

Ovos, arruda, alho, álcool.

1 caldeirão ou bacia.

As folhas de arruda, cascas de alho, você deve colocar no caldeirão.

Não há medidas padrão, mas deve você saber que em questões de limpias vale não ser muito restrito 
 em quantidades, a abundância fala às deidades que você não mede limites quando o assunto é seu 
 bem-estar espiritual.

Este preparado deve descansar pelo menos 24 horas.
Assim você irá usá-lo na limpeza do  seu ambiente no mesmo dia em que concluir "la limpia" com os ovos.

A quem você pedirá proteção? Faça nomeando as deidades com as quais você lida.

Pegue 1 ovo grande e saudável (sem lascas na casca, e limpo por fora, e claro fresco por dentro) e passe em seu corpo ou no corpo da pessoa na qual você faz a limpia, começando pela parte superior, pela cabeça... 

Não apenas mentalize a limpeza, mas emita em alto e claro tom esse ato. Enuncie o ato que executa.

Uma boa idéia vem a ser a de redigir seu pequeno texto de limpia, caso tenda você a ficar com brancos na memória no momento de ritos e correlatos ;)

Descreva em bom e alto tom o que você está fazendo, sua intenção, e seu objetivo.

Como por exemplo:

Limpo tua mente "fulano" de qualquer pensamento alheio que te faz mal, de qualquer pensamento nocivo que te influencia [quando você passa o ovo no alto da cabeça da pessoa]...

E assim sucessivamente você anuncia e enuncia sua intenção para cada parte do corpo aonde passa esse ovo. 
Ao passar você bate levemente com ele no corpo da pessoa.

Claro está que para fazer uma limpia você deve se garantir, ter fé na sua energia, ter plena consciência de que sabe cuidar de si mesmo, afim de que nada daquilo com o qual você irá lidar e entrar em contato lhe cause algum dano.

Ao finalizar, pegue o ovo e coloque num prato novo e limpo. Deixe ele ficar ali por 1 noite. No dia seguinte abra o ovo a céu aberto [nunca dentro de casa] e analise o conteúdo dele.

Pode ser que você se depare com algo turvo, apenas escuro, o que indica que havia sim uma energia contrária à da pessoa, mas nada intencional, quiçá uma energia que ela pegou "emprestada" sem querer de alguém ou algum ambiente por onde passou.
Mas se o conteúdo estiver literalmente podre, de cor negra com textura visivelmente estranha, alheia à aquela normal a um ovo em condições naturais, aí sim se constata que a influência negativa, ou energia degenerada que acompanha a pessoa é algo fora do esperado, intencionalmente lançada contra o individuo aonde a limpia se fez.

Mas uma vez a limpia feita, e bem feita, o mal foi diluído.

Tanto o prato como o ovo, ou ovos, se a limpia foi feita em mais de 1 pessoa, devem ser descartados em ambiente aberto e fora dos limites da sua morada. Pode inclusive ser descartado no lixo externo, pois aquilo que leva consigo o ovo, nada mais é do que lixo, lixo que de você partiu. E que convenhamos não era seu, lhe foi "doado" por alguém que não lhe quer bem...


Entre tanto o que parte deixa vaga, e essa vaga deve ser ocupada por energias acorde às suas, energias que lhe façam bem!

Prepare uma água com o  seguinte:

Água de limão [exprema alguns limões bonitos, e suculentos, em água limpa], folhas de louro [se não tiver louro fresco, prepare uma infusão com louro seco], três medidas pequenas de álcool de cereais, três fios de azeite de oliva, e bons punhados de sal  grosso e três litros de água... 

Dilua tudo misturando, e banhe do pescoço para baixo com esta mistura!

E novamente: invoque, convide, conclame para sua proteção neste banho suas deidades.



Grata sempre,



Luciana Onofre

ps: caso você deseje repassar este texto, como outros do nosso blog, entre em contato connosco.